Fepospetro e patrões retomam no dia 15 as negociações salariais

Após resultar indefinida a primeira rodada de negociação realizada na quarta-feira, 28, a Campanha Salarial 2018/2019 dos cem mil frentistas do Estado de São Paulo será retomada numa próxima reunião agendada para as 14 horas do dia quinze de março, na patronal Sincopetro em São Paulo. Na ocasião, quando já terá sido divulgado pelos institutos de pesquisa o índice de inflação do período, trabalhadores e patrões voltarão ao debate referente ao percentual de reajuste a ser aplicado nos salários e no vale-refeição, e à revalidação de benefícios exclusivos da Convenção Coletiva tais como cesta básica, desconto reduzido de apenas 1% sobre o vale-transporte, seguro de vida em grupo entre outros. Segundo explica Luiz Arraes, presidente da Federação Estadual dos Frentistas – Fepospetro, entidade que unifica em nome dos dezesseis sindicatos de São Paulo a tratativa com o grupo patronal formado também pelas entidades Resan, Regran e Recap, norteará os rumos da negociação a premissa de que a crise financeira enfrentada pelo país é uma consequente da instabilidade política, e efeito da agenda neoliberal do governo Temer ” A classe trabalhadora que para sobreviver conta apenas com o seu salário não pode jamais ser prejudicada pelos efeitos de uma crise a que cuja origem ela nada tem a ver” afirma.

Participação: O líder sindical informa também que é bem -vinda a participação dos trabalhadores e avisa que aqueles que puderem participar da reunião do dia 15 devem procurar o sindicato da sua cidade, que disponibilizará, para o dia, transporte gratuito.

Agendada para a data, a 2° rodada de negociação salarial é aberta ao público, e acontece no Sincopetro, na rua Atibaia, num. 282, bairro Perdizes em São Paulo

Assessoria de Imprensa da Fepospetro- Leila de Oliveira

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *