Preço do etanol já é mais vantajoso do que o da gasolina em 4 estados

O Globo
09/05/2018 – Abastecer o veículo com etanol já é mais vantajoso do que a gasolina em quatro estados do país, de acordo com a variação do preço médio verificada no último levantamento feito pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), entre os dias 29 de abril e 5 de maio. Os estados com preço de etanol já é mais vantajoso do que a gasolina são: São Paulo, Goiás, Minas Gerais e Espírito Santo.

No Rio, porém, relação ainda está acima de 70%, o que ainda não compensaria a troca da gasolina pelo etanol. A conta geralmente usada para saber qual combustível é mais vantajoso leva em consideração que o etanol tem em média 70% do desempenho da gasolina. Por isto, no momento de calcular, o motorista deve multiplicar o preço da gasolina por 0,7. O resultado é o preço máximo que o etanol vale a pena.

Ao divulgar seu balanço, na terça-feira (08), a Petrobras informou que a venda de gasolina caiu 9%. Entre outros motivos, porque perdeu espaço para o etanol.

Para especialistas, nas próximas semanas, o etanol já deve se tornar mais vantajoso que a gasolina também no Rio de Janeiro. O executivo do Banco ABC Brasil pontua que o etanol pode ganhar competitividade frente à gasolina, por uma série de fatores. Leal aponta como primeiro deles o momento de safra da cana-de-açúcar.

— Essa tendência baixista no preço do etanol, por causa da safra, e um movimento de aumento da gasolina por conta das altas no petróleo e no câmbio, podem fazer com que o preço do etanol fique mais competitivo que a gasolina para abastecer o carro.

ALTA DA GASOLINA

O preço médio da gasolina vendida às distribuidoras, em igual período, teve variação de 10,3%. Saiu de R$ R$ 1,647 para R$ 1,817.

Já nos postos a nível nacional, no período em que o barriu de petróleo subia 12,28%, o preço da gasolina nas bombas do país também teve aumento: 0,18%. No período, o combustível derivado do petróleo saiu de R$ 4,217 para R$ 4,225.

Em igual período, o etanol apresentou o cenário inverso. O combustível derivado da cana-de-açúcar teve queda de 6,6% nos postos do Brasil. Saiu de R$ 3,055 para R$ 2,853.

Levando em consideração apenas o Estado do Rio de Janeiro, no período de seis de abril até cinco de maio, a gasolina subiu 0,4% nas bombas fluminenses, passado de R$ 4,698 para R$ 4,718. Já em relação ao etanol, na mesma base de tempo, a queda foi de 2%. O derivado da cana-de-açúcar foi de R$ 3,724 para R$ 3,648.
via O GLOBO

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *