CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPINAS/SP REÚNE HOJE SINDICATOS PARA DEBATE SOBRE BENZENO

A Câmara Municipal de Campinas/SP sedia hoje (5), a partir das 14h, o debate público “Os trabalhadores e a luta contra a exposição do benzeno” . A ação, para lembrar o “Dia Nacional de Luta contra a Exposição ao Benzeno”, celebrado na data,  é iniciativa do vereador Pedro Tourinho (PT)  em conjunto com o Sinpospetro (Sindicato dos Empregados em Postos de Serviços de Combustíveis e Derivados de Petróleo de Campinas e Região), Sindicato Unificado dos Petroleiros, Sindicato Unificado dos Químicos. Convidado a participar como  integrante da  Mesa Oficial do  evento, Raimundo Nonato de Souza (Biro), secretário geral do Sinpospetro -Campinas e membro da Comissão Nacional do Benzeno (CNPBz), falará  sobre o alcance e os resultados advindos  da agenda de Curso de Prevenção à Exposição Ocupacional ao Benzeno, promovida pela entidade em conjunto com Sindimed – Sindicato dos Médicos de Campinas e Região, com quem  cuja parceria já levou a mais de 300 trabalhadores  orientação sobre como  reduzir, no ambiente do trabalho,  as chances de  contaminação pelo agente químico presente nos combustíveis. Expelida em forma de gás, a substância tóxica é absorvida,  pelos trabalhadores e usuários, pela respiração, pele ou por ingestão. No organismo humano, o benzeno leva à ocorrência de câncer, dentre outras doenças.

DATA É  HOMENAGEM A  TRABALHADOR MORTO EM 2004

A data foi criada em homenagem ao técnico de operações Roberto Kappra, da Refinaria Presidente Bernardes, em Cubatão, que faleceu no dia 5 de outubro de 2004, vítima de leucemia mielóide aguda, doença ligada à exposição ao benzeno. Kappra trabalhou 11 anos na refinaria e morreu aos 36 anos, 22 dias após serem detectados os primeiros sintomas da doença. Na época, a Petrobrás se recusou a reconheceu o nexo causal e a CAT só foi emitida tempos depois.

A história de Kappra tornou-se símbolo da luta contra a exposição a essa substância altamente cancerígena.

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *