Ministério instala Conselho Nacional do Trabalho

Via Agência Sindical

Com a presença de sindicalistas, o ministro Ronaldo Nogueira instalou quinta (1º) o Conselho Nacional do Trabalho – órgão colegiado de 30 membros, com dez integrantes do governo; dez do empresariado e dez dos trabalhadores.

Segundo o Ministério do Trabalho, uma das missões do colegiado será “revisar” a CLT. Nogueira disse que o Conselho também poderá analisar a reforma trabalhista e propor modificações no texto, que poderiam ser encaminhadas por meio de vetos ao projeto que vier a ser aprovado no Congresso.

O presidente da Confederação dos Servidores Públicos do Brasil (CSPB), João Domingos Santos, que representou a Nova Central, cobrou do ministério a reativação da Câmara Bipartite do setor público. “Muitos acordos e tratados internacionais, como a Convenção 151 da OIT, permanecem pendentes e será preciso retomar esse debate”, afirma.

Diálogo – Sergio Luiz Leite, da Força Sindical, destaca que o principal objetivo do Conselho será “promover o diálogo social tripartite”, que é uma recomendação da Organização Internacional do Trabalho. As Centrais CUT e CTB falaram pelos trabalhadores.

Próxima reunião do Conselho, em 6 julho, terá caráter deliberativo.
7Via Agência Sindical

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *